UEFA e KONAMI chegam a acordo, mas PES 2019 terá Champions League e Europa League genéricas

PES 2019 sem Champions League e Europa League
PES 2019 sem Champions League e Europa League

Já era meio que esperado, aguardávamos apenas a confirmação. No final das contas, UEFA e KONAMI simplesmente adiaram a presença dos torneios UEFA Champions League e Europa League em PES 2019, com ambos retornando em PES 2020 (também conhecido como Winning Eleven Series PRO), o nome que a franquia adotará nos consoles e PC a partir de 2019/20.

A KONAMI se viu entre a cruz e a espada. A espada dos fãs, e a cruz pesada das novas regras da UEFA para exploração de imagem de seus torneios. Com a final da UEFA CL disputada no Wanda Metropolitano de Madrid, Espanha — estádio presente no game até 2020, não seria este o maior dos problemas, mas sim a inclusão do Olympic Stadium de Baku, no Azerbaijão, onde ocorrerá a final da Europa League.

A UEFA agora exige mais de quem quiser de 2018 a 2022, fazer uso de seus torneios, logos, marcas e patrocinadores. Os custos subiram quase 30% para renovação de contratos de segurança privada, maiores premiações e maiores regalias aos clubes que agora exigem a partir da fase de grupos: apenas assentos de primeira classe para atletas e comissão técnica — antes, a UEFA arcava apenas com 50% dos custos.

Essa brincadeira não sai barato não!

A UEFA não andava satisfeita com os descuidos da KONAMI com sua competição principal, e nem vê na EA, vontade de levar para FIFA, competições UEFA com o nível de qualidade que ela deseja.

A UEFA também perdeu dois dos novos patrocinadores que eram dados como certo: Facebook e Amazon. Ambos
transmitiriam além das partidas ao vivo via streaming, muito conteúdo extra-campo: algumas coisas pagas, outras gratuitas. Sem contar que ambos trariam novas receitas a UEFA e seus parceiros.

O escândalo que engoliu Mark Zuckerberg e a Cambridge Analytica, suspendeu uma parceria dada como certa.

Para o PES Team, que conta hoje com apenas 36 pessoas para cuidar de PES 2019 – seria impossível prometer aos fãs mais coisas que ela não poderia cumprir. PES 2019 será novamente focado no MyClub, Lendas, e aquisição de mais parcerias Premium – para enfim entrar o triênio como Winning Eleven Series PRO, e um produto absolutamente diferente do que temos hoje.

Sem avacalhar o Milton Leite, nem o Mauro Beting

Já bateram no Milton por ele ter entregado a rapadura de não ter a competição de forma oficial em PES 2019. O coitado foi ofendido de forma babaca, por babacas no Pacaembu num jogo do Santos, por supostamente tumultuar a parada ao dar em primeira mão, sem querer querendo a notícia que fã de PES nenhum queria ouvir, nem ler.

PES CLUB Manager mantém a licença e poderá ser o APP oficial do torneios

Para versões mobile, a KONAMI assegurou a licença da UEFA para os próximos quatro anos.

Champions League e Europa League chegariam via Data Packs?

Essa possibilidade não foi descartada. Mas quem está sendo contratado para o novo ciclo da KONAMI, já trabalha no projeto WE ARE 11+, então vão com menos sede ao pote e menos esperanças ao altar.

Para quem não se lembra ou não segue a publicação japonesa Famitsu, o projeto WE ARE 11+ deu origem ao que se tornou o MyClub, contra a vontade de Kei Masuda. Com Masuda de novo senhor da prancheta, é hora enfim de ver uma nova Master League e um Become a Legend estilo storytelling e muitas cutscenes.

O tempo paaaaaaaaaassa. Sejamos pacientes!

Readers Comments (4)

  1. Mito De Raiss de volta a Ativa!!!

    Responder
  2. JB Esporte Games 19 de Abril de 2018 @ 05:34

    Meo Deos!😱😱😱😱😱😱😱
    O mito voltou!
    Óh Mito de Raiss, o pai do saber voltou!
    Agora a vida voltou a fazer sentido!

    Responder
  3. Olá gostosão ! Tava com saudades! Tá me devendo alguns favores sexuais! Excelente POST!

    Responder

Cornetar!

seu email não será publicado.


*