Desejo antigo da KONAMI, empresa aguarda ‘novatos’ pós Copa para fazer nova proposta por Major League Soccer

Desejo antigo da KONAMI, empresa aguarda 'novatos' pós Copa para fazer nova proposta por Major League Soccer
Desejo antigo da KONAMI, empresa aguarda 'novatos' pós Copa para fazer nova proposta por Major League Soccer

Na melhor das hipóteses, Carlitos Tévez, Fernando Torres, Mario Balotelli, Oscar e Chicharito Hernandez devem migrar para a Major League Soccer. Balotelli é quase uma certeza no DC United, até mensagem de pré-adeus deixou no seu Instagram.

Toronto FC, Montreal Impact, Portland Timbers e Atlanda United também serão reforçados no período da Copa do Mundo.

Até meados/fim de Maio, ainda há tempo para negociar, e a Major League Soccer não tem contrato de exclusividade com a EA. Com latinos assistindo e muito a MLS, a KONAMI prepara novamente uma proposta.

Com isso, caso o milagre da multiplicação role, a KONAMI teria em mãos 5 licenças do Continente: Major League Soccer, Categoría Primera A de Colombia, ou Liga Aguila, Campeonato Nacional Scotiabank 2018, e por fim, Superliga Argentina de Fútbol de 2017–18.

E o Brasileirão? Mezzo genérico, mezzo clubes parceiros. Enquanto alguns advogados estiverem na parada, não haverá acordo. Com o retorno da Copa Libertadores da América — isso explico melhor no próximo post, fico imaginando como a KONAMI venderá PES 2019 para a Europa.

Valor da Major League Soccer para a KONAMI? Claramente em termos de visibilidade, a MLS ganha o braço de ferro contra a Chinese Super League

Sem a visibilidade que tanto sonhou, a Chinese SL já começa a cortar salários fora do comum e prefere apostar em veteranos da própria Ásia. Até chineses de destaque como o bom goleiro Zeng Cheng, estão na mira de clubes da MLS como o Los Angeles Galaxy.

No sentido contrário, a Major League Soccer aos poucos para de limitar o teto salarial e permite que grandes estrelas se espalhem entre os clubes da América do Norte. Robert Kraft, dono do New England Revolution e principalmente do New England Patriots já mandou o recado: ou temos uma liga forte, para competir com as da Europa, ou saio da brincadeira.

Com média de mais de 28 mil pessoas por partida, mais que o Brasileirão, Argentinão, Italianão e Portuguesão por exemplo, ao menos 4 partidas da MLS são transmitidas ao vivo para a Europa todo fim de semana.

Podem me chamar de louco, mas acho a Liga MX uma bosta. Que venha a Major League Soccer senhor Jonas Lygaard, muito falador e até agora pouco produtivo. É ele que vai anunciar as licenças novas na E3? Quem souber me ajude a esclarecer porque até agora só boatos que se confirmam através de clubes.

No caso da Major League Soccer, quem entregou a negociação foi o Portland Timbers, na Portland’s Sports Radio 102.9 FM – 750 AM.

Corneta aí P*rra!

Cornetar!

seu email não será publicado.


*